terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Doidera


Vamos começar do começo to despejando palavras aqui nesse momento não sei por que sentei aqui agora e comecei a escrever palavras que em nada vão dar mas que de alguma forma estão aliviando alguma coisa que existe dentro de mim que eu não saberia para quem nem como nem por que dizer só sei que tudo isso não basta de palavras sem noçao e que eu não deveria nem postar mas me deu vontade de escrever e aqui estou eu escrevendo qualquer mas qualquer coisa mesmo sem pontuação sem nada só para poder aliviar mas aliviar o que (ponto de interrogação) nem eu sei nem ao menos isso eu sei só sei que tudo nessa vida tem um por que tem uma consequencia( ou várias) e tem uma alegria e cmo as consequecias são maiores que as alegrias prefiro continuar na minha em todos os momentos e deixar tudo ir ir ir tudo nessa vida ta indo e fluindo e eu só estou observando minha vida ir e ir e ir só que não quero mais deixar ela ir e não fazer nada acho que eu sou capaz e tenho que se capaz de dizer um basta pra tudo de me tapiar de gritar comigo que tudo que eu to fazendo pode ser errado mas eu sou uma confusão eu poderia deixar de ser essa confusão mas ai eu deixaria de ser a pessoa que eu sempre fui não sei por que mas gosto de ser assim uma confusão por que se eu não me entendo quem dirá as pessoas acho que é bom as pessoas não me entenderem e só eu saber o que se passa pela minha cabeça só sei que tudo isso é uma confusão e que eu só estava afim de escrever qualquer bobagem e no fim postar aqui queria mesmo era gritar bem alto mas se eu fizer isso agora eu acordo todo mundo aqui em casa que nesse momento dormem então exalto minha vontade quase insuportavel de gritar assim digitando e quase quebrando o teclado mas por aqui eu posso gritar então pelo amor de deus alguém dá um tapa na minha cara pra eu poder parar de escrever isso por que já ta virando paranoia e doidera POFT (valeu)

2 comentários:

Telma K. disse...

Interessante... funciona?
Beijos

Paulo Vilmar disse...

Eu estava acordado...